Escudo de la República de Colombia
Sistema Nacional de Biliotecas - Repositorio Institucional Universidad Nacional de Colombia Biblioteca Digital - Repositorio Institucional UN Sistema Nacional de Bibliotecas UN

Prevalência e tipos de bullying em escolares brasileiros de 13 a 17 anos

Cavalcanti, Alessandro Leite Cavalcanti and Santos, Jalber Almeida and Xavier, Alidianne Fábia Cabral and Paiva, Saul Martins (2014) Prevalência e tipos de bullying em escolares brasileiros de 13 a 17 anos. Journal of Public Health; Vol. 16, núm. 2 (2014); 173-183 Revista de Salud Pública; Vol. 16, núm. 2 (2014); 173-183 0124-0064 .

Texto completo

[img]
Vista previa
PDF
161kB
[img] Sin Definir
[img] Microsoft Word
40kB
[img] Microsoft Word
28kB
[img]
Vista previa
Imagen (JPEG)
225kB

URL oficial: http://revistas.unal.edu.co/index.php/revsaludpubl...

Resumen

Objetivo: Verificar a prevalência e os tipos de bullying em escolares brasileiros de 13 a 17 anos, bem como, analisar os fatores associados. Métodos: Utilizou-se a amostragem aleatória simples para a seleção dos 525 escolares de 14 escolas municipais do 3° e 4° ciclos. A coleta de dados foi realizada por um único pesquisador, utilizando o questionário sobre bullying Modelo TMR. Considerou-se como vítimas de bullying os alunos que admitiram sofrer esse tipo de violência por 3 ou mais vezes no ano da coleta. Os dados foram armazenados no SPSS e analisados por meio da estatística analítica, através dos testes Qui-quadrado de Pearson e Exato de Fisher (p, Objetivo Verificar a prevalência e os tipos de bullying em escolares brasileiros de 13 a 17 anos, bem como, analisar os fatores associados.Métodos Utilizou-se a amostragem aleatória simples para a seleção dos 525 escolares. A coleta de dados foi realizada por um único pesquisador, utilizando o questionário sobre bullying Modelo TMR. Considerou-se como vítimas de bullying os alunos que admitiram sofrer esse tipo de violência por três ou mais vezes no ano da coleta. Os dados foram organizados com o SPSS e analisados por meio dos testes Qui-quadrado de Pearson e Exato de Fisher (p<0,05).Resultados A média de idade dos escolares foi de 14,2 anos (±1,1), sendo 54,1% do sexo feminino. Dentre os pesquisados, 23,6 % foram caracterizados como vítimas de bullying, com a maioria sendo de 14 anos de idade (27,3 %), do sexo masculino (31,5 %), do 7° ano de escolaridade (25,3 %), não existindo diferença de envolvimento entre os turnos escolar analisados (manhã e tarde). Houve associação entre o sexo do escolar e a ocorrência de bullying (p<0,001). O tipo de bullying mais prevalente foi o verbal (87,7 %), seguido do relacional (37,7 %) e do físico (19,7 %).Conclusão É elevada a prevalência de bullying, com os meninos constituindo-se nas principais vítimas, predominando o bullying do tipo verbal.

Tipo de documento:Artículo - Article
Palabras clave:Bullying, violência, saúde do adolescente
Unidad administrativa:Revistas electrónicas UN > Revista de Salud Pública
Código ID:44434
Enviado por : Dirección Nacional de Bibliotecas STECNICO
Enviado el día :25 Oct 2014 08:42
Ultima modificación:25 Oct 2014 08:42
Ultima modificación:25 Oct 2014 08:42
Exportar:Clic aquí
Estadísticas:Clic aquí
Compartir:

Solamente administradores del repositorio: página de control del ítem

Vicerrectoría de Investigación: Número uno en investigación
Indexado por:
Indexado por Scholar Google WorldCat DRIVER Metabiblioteca OAIster BASE BDCOL Registry of Open Access Repositories SNAAC Red de repositorios latinoamericanos eprints Open archives La referencia Tesis latinoamericanas OpenDOAR CLACSO
Este sitio web se ve mejor en Firefox