Escudo de la República de Colombia
Sistema Nacional de Biliotecas - Repositorio Institucional Universidad Nacional de Colombia Biblioteca Digital - Repositorio Institucional UN Sistema Nacional de Bibliotecas UN

Evolução do sistema público de saúde no Brasil frente ao estágio atual da prevenção do câncer de colo uterino em mulheres jovens e adolescentes

Sanches, Taís Tovani and Siqueira-Oliveira, Thaliany and Moretti, Cristina and Tovani-Palone, Marcos Roberto and Hishinuma, Gilberto (2017) Evolução do sistema público de saúde no Brasil frente ao estágio atual da prevenção do câncer de colo uterino em mulheres jovens e adolescentes. Revista de la Facultad de Medicina, 65 (1). pp. 115-120. ISSN 2357-3848

Texto completo

[img]
Vista previa
PDF - Versión Publicada
Available under License Creative Commons Attribution Non-commercial.

716kB

URL oficial: https://revistas.unal.edu.co/index.php/revfacmed/a...

Resumen

O câncer de colo uterino constitui-se num problema de saúde pública em nível mundial, estando em grande parte dos casos relacionado com a infecção pelo papiloma vírus humano. O exame de Papanicolau é ainda o principal instrumento para o rastreamento das lesões precursoras. Contudo, no Brasil, tal meio diagnóstico-preventivo é preconizado apenas para mulheres na faixa etária entre os 25 e 64 anos. Desse modo, este trabalho teve como objetivo realizar uma revisão/atualização crítica acerca da evolução e princípios do sistema de saúde público brasileiro diante da situação atual para a prevenção do câncer de colo uterino em mulheres jovens e adolescentes. Ressalta-se que os problemas de saúde no Brasil, que no período colonial foram marcados pelas doenças pestilenciais, passaram na atualidade a ser representados principalmente pelas doenças crônicas emergentes, a exemplo dos cânceres. Outro ponto importante é que a literatura reporta taxas preocupantes no país para a ocorrência de alterações citopatológicas cérvico-vaginais em mulheres jovens e adolescentes, com diversos agravos neste contexto. Logo, a gestão da saúde no Brasil necessita de amplos ajustes, visando principalmente uma maior inserção de mulheres e meninas de 10 a 24 anos nos programas de diagnóstico precoce do câncer de colo uterino., Cervical cancer is a public health problem worldwide, which is associated, in many cases, with infection by human papilloma virus. The Papanicolau test is still the main tool for screening precursor lesions; however, in Brazil, this diagnosis and preventive means is recommended only for women aged between 25 and 64 years. This study intends to provide a critical review/update on the evolution and principles of the Brazilian public health system regarding the current situation of cervical cancer prevention in young women and adolescents.In Brazil, health problems, which in the colonial period were mainly caused by pestilential diseases, are currently represented by emergent chronic diseases such as cancer. In addition, the scientific literature reports alarming rates in the country of cervical-vaginal cytological changes in young women and adolescents, with serious aggravations in this context. Therefore, health management in Brazil requires large adjustments, mainly aimed at greater inclusion of women and girls aged 10 to 24 in programs for early diagnosis of cervical cancer., O câncer de colo uterino representa um problema de saúde pública em nível mundial, estando em grande parte dos casos relacionado com a infecção pelo papiloma vírus humano. O exame de Papanicolau é ainda o principal instrumento para o rastreamento das lesões precursoras. Contudo no Brasil, tal meio diagnóstico-preventivo é preconizado apenas para mulheres na faixa etária entre os 25 e 64 anos. Desse modo, este trabalho teve por objetivo prover uma revisão/atualização crítica da evolução e princípios do sistema de saúde público brasileiro diante da situação atual da prevenção do câncer de colo uterino em mulheres jovens e adolescentes. Ressalta-se que os problemas de saúde do Brasil passaram do período colonial, marcado pelas doenças pestilenciais, para a atualidade com a emergência de doenças crônicas a exemplo dos cânceres. Além disso, a literatura científica reporta taxas preocupantes para a ocorrência de alterações citopatológicas cérvico-vaginais em mulheres jovens e adolescentes no país defronte a diversos agravos neste contexto.  Assim sendo, a gestão da saúde no Brasil necessita de amplos ajustes  visando principalmente a inserção de mulheres e adolescentes de 10 a 24 anos nos programas de diagnóstico precoce do câncer de colo uterino.

Tipo de documento:Artículo - Article
Palabras clave:Public Health, Public Health Administration, Uterine Neoplasms, Salud Pública, Administración de la Salud, Neoplasias uterinas, Saúde pública, Gestão em saúde, Neoplasias uterinas
Temática:6 Tecnología (ciencias aplicadas) / Technology > 61 Ciencias médicas; Medicina / Medicine & health
Unidad administrativa:Revistas electrónicas UN > Revista de la Facultad de Medicina
Código ID:66142
Enviado por : Dirección Nacional de Bibliotecas STECNICO
Enviado el día :18 Septiembre 2018 21:19
Ultima modificación:18 Septiembre 2018 21:19
Ultima modificación:18 Septiembre 2018 21:19
Exportar:Clic aquí
Estadísticas:Clic aquí
Compartir:

Solamente administradores del repositorio: página de control del ítem

Vicerrectoría de Investigación: Número uno en investigación
Indexado por:
Indexado por Scholar Google WorldCat DRIVER Metabiblioteca OAIster BASE BDCOL Registry of Open Access Repositories SNAAC Red de repositorios latinoamericanos eprints Open archives La referencia Tesis latinoamericanas OpenDOAR CLACSO
Este sitio web se ve mejor en Firefox